terça-feira, 20 de setembro de 2011

Viva e deixe viver!

Você é como o arco íris, deixe suas cores explodirem.

Eu bonita indo pra 14 Parada de Orgulho de LGBTs de Brasília x3
Amei essa frase e a foto (eu sou PÉSSIMA pra me maquiar!), ela foi exposta durante a 14a parada gay de Brasília que ocorreu nesse domingo dia 18/09. Tenho amigos que vieram me perguntar "Você fooooi? Você é simpatizante?" com uma expressão tão surpresa que eu fiquei mais surpresa ainda. Qual é o problema? Eu preciso ser lésbica, preciso ser bissexual, preciso de rótulos para participar de um movimento social contra a homofobia nas escolas e que expressa o orgulho de pessoas felizes, bem vividas e IGUAIS, com o sexo livre?

Eu com um pirceing falso e minha irmã linda <3
Passei debaixo dessa bandeira \o/
Esse ano eu participei da Marcha da saúde reinvidicado os direitos das pessoas com necessidades especiais, pessoas com doenças raras que precisam de tratamento contínuo e não fui indagada do tipo "Oh, você tem uma doença rara?" Tem gente que nem sabe o que é isso! E pra quem não sabe eu deixo o site da AMAVI (Associação Mariavitoria) da qual faço parte como sóciofundadora que fala sobre isso. Tem uns videos também, indico os que saíram na Globo, no SBT e mais um que eu achei esses dias pelo Youtube. Pensando bem, vou deixar o assunto pra depois, só quis exemplificar.

No semestre passado eu fiz uma disciplina chamada Gênero e Educação, gostei bastante, e lá conheci duas lindas meninas que são lésbicas e estão juntas desde então. Fofas e uns amores! \o/ Adoro-as muito! Nenhuma surpresa, tenho familiares e amigos que são homossexuais e desde pequena aprendi a respeitas as múltiplas interfaces do ser humano. SER HUMANO. Sempre convivi com as pessoas com necessidades educacionais especiais, com negros, com pessoas menos abastadas, com homossexuais, com toda aquela parte da população que ainda luta com todo o fervor de suas verdades para ter um espaço reconhecido nessa sociedade machista, capitalista e homogênea disfarçada pela mídia e pelo Estado. Igualdade é o que queremos? Pra que, se por mais que todos nós sejamos iguais perante a lei, uns são mais iguais do que os outros? Igualdade não vai existir nunca, nós não somos iguais, somos diferentes e é a diferença de cada um que constrói uma sociedade sincrética que nós somos! Já somos povo de miscigenações, por que o pré-conceito para tudo ainda predomina? O que deve ser respeitado enfim é a identidade de cada um, a maneira de cada um se expressar, viver e também se desenvolver, já que nem todos nós nos desenvolvemos das mesmas formas, e eu poderia passar horas escrevendo exemplos incríveis sobre isso.
Enfim, os prejulgamentos e preconceitos me revoltam, e não quero ser só uma revolucionária de sofá, quero sair e mostrar a minha cara para os brasis. Porque faço parte disso, e não tenho vergonha, não tenho medo, tenho só coragem, fé e esperança!
Parabéns pelo movimento, Brasília!
Só tem que melhorar um pouco nessa questão vulgar, as vezes fico preocupada com que tipo de ideologia estamos construindo em meio a tantas drogas, bebidas e loucuras sexuais que a gente vê por aí... Eu acho sexo uma coisa super gostosa e saudável, mas tem gente que exagera um pouquinho e apela de maneira exacerbada e inconsequente...!

E sobre mim, vou citar o finalzinho do memorial que escrevi nessa mesma disciplina:

"Foi com os estágios (de Pedagogia) que mais pude ver o meu eu profissional diante do mundo: um ser humano dotado de humanidade, com dotes artísticos, com uma postura social feminina e heterossexual de se colocar na sociedade, uma pessoa cheia de valores e respeito às invidualidades e preferências (sejam sexuais, religiosas, culturais, políticas e pessoais), com um jeito educador e cuidador de ser (dotado de eternas aprendizagens: aprender a conhecer, a fazer, a viver com os outros e a ser), enfim, uma construção social cheia de ricas memórias, lembranças, momentos, alegrias, erros, aprendizagens, em suma construtos que possibilitaram modos de ser e viver intensos e repletos de conhecimentos a serem compartilhados e constantemente transformados..."

E pra encerrar, acho que não tem melhor letra...
Porque é como eles disseram, na primeira parada eles todos usaram máscaras, e ao final, as tiraram e jogaram para cima!

I Will Survive - Gloria Gaynor (Eu vou sobreviver)



No início eu tive medo, fiquei paralisada,
Continuava pensando que nunca conseguiria viver
Sem você ao meu lado.
Mas então eu passei muitas noites
Pensando como você me fez mal,
E eu me fortaleci E eu aprendi como me arranjar...

E então você está de volta do espaço exterior:
Eu acabei de entrar para te encontrar aqui
Com aquela aparência triste no seu rosto.
Eu devia ter mudado aquela fechadura estúpida,
Eu devia ter feito você deixar sua chave
Se eu soubesse, apenas por um segundo,
Que você voltaria para me incomodar...

Vá agora, saia pela porta.,
Apenas vire-se agora, pois você não é mais bem-vindo.
Não foi você quem tentou me magoar com o adeus?
Você acha que eu ia me desintegrar em pedaços?
Você pensou que eu deitaria e morreria?
Oh não, eu não. Eu vou sobreviver...
Enquanto eu souber como amar,
Eu sei que permanecerei viva.
Eu tenho minha vida toda para viver,
Eu tenho meu amor todo para dar e
Eu vou sobreviver, eu vou sobreviver...
Hey, hey

Foi preciso toda a força que eu tinha para não cair em pedaços,
Continuei tentando duramente remendar os fragmentos
do meu coração partido,
E eu passei muitas noites só sentindo pena de mim mesma.
Eu costumava chorar, mas agora mantenho minha cabeça erguida.
E você me veja como um novo alguém,
Não sou aquela pessoa insignificante, acorrentada
ainda apaixonada por você...
E então você tem vontade de fazer uma visita
E simplesmente espera que eu esteja desimpedida...
Agora estou guardando todo meu amor
Para alguém que está me amando.

Vá agora, saia pela porta.,
Apenas vire-se agora, pois você não é mais bem-vindo.
Não foi você quem tentou me magoar com o adeus?
Você acha que eu ia me desintegrar em pedaços?
Você pensou que eu deitaria e morreria?
Oh não, eu não. Eu vou sobreviver...
Enquanto eu souber como amar,
Eu sei que permanecerei viva.
Eu tenho minha vida toda para viver,
Eu tenho meu amor todo para dar e
Eu vou sobreviver, eu vou sobreviver...

Vá agora, saia pela porta.,
Apenas vire-se agora, pois você não é mais bem-vindo.
Não foi você quem tentou me magoar com o adeus?
Você acha que eu ia me desintegrar em pedaços?
Você pensou que eu deitaria e morreria?
Oh não, eu não. Eu vou sobreviver...
Enquanto eu souber como amar,
Eu sei que permanecerei viva.
Eu tenho minha vida toda para viver,
Eu tenho meu amor todo para dar e
Eu vou sobreviver, eu vou sobreviver...
Hey, hey

Tradução Vagalume




Um comentário:

Luana Pagung disse...

Ah, obrigada pela força lá no comentário (e pode ficar feliz, porque você mandou sim, ao menos recebi dois comentários lá, os aceitei pra que você pudesse decidir qual queria que ficasse, rs). Então, de qualquer forma já desisti das trocas, na verdade não é desisti, e sim, finalizei, simplesmente. Quero excluir meu orkut em breve, por isso já parei de me inscrever nas trocas. Só não o exclui ainda porque estou atrasada em duas trocas que irei mandar em breve.

Mas acho muito bacana a ideia de fazermos trocas por fora, podemos combinar com a Bibi e outras pessoas. Daria pra formar uma comunidade extra-orkut! :D

Bisous.